OUVIR  

Clube FM: (83)3531-4379  WHATSAPP 9.9999-2683

POLICIAL

Jovem de 17 anos mata pai envenenado e em seguida comete suicídio na Paraíba

Um homem de 56 anos e sua filha de 17 anos foram encontrados mortos no início da noite dessa terça-feira (02) na Zona Rural de Sobrado, Região da Mata Paraibana. De acordo com a perícia inicial, as vítimas morreram envenenadas.

A Polícia Civil informou que a suspeita inicial é de que a garota tenha envenenado o pai e em seguida cometido suicídio. Ao lado do corpo da menina, a polícia encontrou uma carta onde ela afirmava que não “aguentava mais ver o pai ser acusado de lhe estuprar, sem que isso nunca tivesse ocorrido”.

Existe um inquérito na Delegacia de Sapé que apura possíveis abusos do senhor contra a menor. O Conselho Tutelar já foi ouvido sobre o caso, mas a garota nega qualquer ato sexual forçado.

O corpo do senhor estava em uma rede, já o da jovem em uma cama. A mãe da menor, que tem mais 14 irmãos, não mora com a família.

Jovem de 23 anos é flagrada pela PRF tentando entrar em Cajazeiras com 2 kg de cocaína

Uma jovem de 23 anos, natural de Natal, Estado do Rio Grande do Norte foi presa no posto da Polícia Rodoviária Federal da cidade de Cajazeiras, Sertão da Paraíba nessa terça-feira (2), com dois quilos de cocaína.

A prisão e apreensão aconteceu por agentes da PRF, que após uma abordagem de rotina acabaram encontrando a droga em um dos compartimentos de um ônibus.

Após o flagrante a mulher foi levada para a superintendência da Polícia Civil e em seguida encaminhada ao presídio feminino.

Idoso é executado a tiros dentro de casa na Zona Leste de Cajazeiras; crime pode ser acerto de contas

Um idoso de 63 anos foi executado a tiros na tarde desta segunda-feira (01), no bairro Cristo Rei, Zona Leste de Cajazeiras. A polícia acredita que o crime tenha sido motivado por acerto de contas.

De acordo com as primeiras informações da polícia, a vítima Damião Alves de Sousa estava em sua casa, na rua Maria Angelina Moreira, quando um Fiat Uno de cor preta se aproximou e um dos ocupantes efetuou vários tiros de arma de fogo.

Damião foi socorrido momentos depois por uma equipe do SAMU e levado para o Hospital Regional de Cajazeiras, mas devido à gravidade dos ferimentos, não resistiu e foi a óbito.

Damião teve um filho assassinado há pouco mais de um mês. O idoso também era suspeito de ter praticado um homicídio recentemente na cidade de Sousa e já havia sido detido no dia 24 de setembro deste ano com uma arma de fogo.

Perito faz revelação sobre morte de sertaneja em JP; amiga reconhece vítima pela tatuagem

O perito do Instituto de Perícia Científica de João Pessoa, Aldenir Lins falou nesta segunda-feira (1º), sobre a morte da sertaneja de Conceição, Bernadeth de Lourdes Gomes, de 44 anos.

Ela foi assassinada a tiros nesse domingo (30), em rua no Bairro do Colinas do Sul, em João Pessoa, quando saia de casa para encontrar uma amiga.

Segundo o perito, a mulher foi atingida com alguns disparos no rosto, na lateral do pescoço, no braço e na região lateral do corpo. Além disso, ele explicou que após ela cair, ainda foi atingida por outros tiros.

Aldenir Lins disse que foram cinco disparos de revólver calibre 38, o que confirma características de crime de execução. “Morte imediata. Características de execução clara”, explicou o perito.

Nada foi levado da vítima. A amiga da sertaneja, que a esperava em casa contou que tinha almoçado mais cedo com ela, quando combinaram de sair logo depois.

A mulher disse que ouviu disparos, mas achou que fossem fogos devido ao período eleitoral. “Quando eu cheguei mais perto que vi o braço dela e a tatuagem, aí eu disse ‘meu Deus do céu é Beth, não acredito não’”, contou a mulher, adiantando que a vítima não bebia, não gostava de farra e não tinha inimigos.

A vítima estava com uma sacola no momento do crime. A amiga dela reconheceu e identificou a vítima por meio dessa sacola e de uma tatuagem no braço. Até esta segunda-feira ninguém foi preso.

Operação Midas é deflagrada em Cajazeiras e mais 7 cidades da PB, e prende 15 suspeitos de crimes

Foi deflagrada nesta quinta-feira (27), uma mega operação da Polícia Militar da Paraíba, onde resultou na prisão 15 pessoas envolvidas nos crimes de roubo e receptação.

Denominada Operação Midas, prendeu cerca de 13 pessoas em cumprimento a mandados e 2 foram detidas em flagrante nas cidades de Cajazeiras, João Pessoa, Alhandra, Solânea, Tacima, Araruna, Picuí e Esperança.

A ação que acontece em 25 estados do país, sob comando do Ministério da Segurança Pública junto com a Polícia Civil., tem como objetivo cumprir mandados de prisão preventiva contra autores de roubo e latrocínio, expedidos de 2017 até este ano. Os alvos da operação foram indiciados em inquéritos policiais e estavam foragidos da Justiça.

 

///// ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Na FM 104,9 Agora!

Temos 174 visitantes e Nenhum membro online