OUVIR  

Clube FM: (83)3531-4379  WHATSAPP 9.9999-2683

NOTÍCIAS

Acusado de matar homem em Sousa é preso no estado de Goiás

Acusado de um homicídio na cidade de Sousa, José Ribamar Silva Felix,  de 43 anos, foi preso nesta segunda-feira (10) em Goiás. A operação envolveu policiais civis da Paraíba e da cidade de Planaltina.

José Ribamar é  acusado de assassinar o vendedor Jucenir Justino de Lima, no dia 15 de dezembro de 2015.

De acordo com  informações, o acusado será encaminhado para Sousa para ficar a disposição da justiça local.

VÍDEO: Carro cai em açude e mata sertanejo da Região de Cajazeiras; ele chegou de SP para festa de Natal

Um grave acidente foi registrado neste domingo (09), no Sítio Cantinho, Zona Rural de Triunfo, Região de Cajazeiras. De acordo com informações da Polícia Militar, um homem morreu no local.

As informações dão conta que a vítima fatal seguia em carro vermelho quando teria perdido o controle do veículo e caído em um açude da comunidade.

O homem identificado por José Maurílio Gonçalves Alves, 47 anos ficou em baixo do carro e foi retirado pelo Corpo de Bombeiros com a ajuda da comunidade.

Informações de populares dão conta que o homem morava em São Paulo e teria chegado nesse sábado (08), para passar festas de final de ano com familiares. O corpo do homem foi encaminhado ao IML da cidade de Patos!

Prefeito de Sousa é denunciado por agressão a namorada e TJ concede medida protetiva a jovem advogada

O curto namoro entre o prefeito de Sousa, Fábio Tyrone (PSB) e a jovem advogada Myriam Pires Benevides Gadelha, 29 anos foi parar na Justiça. O casal assumiu que estavam juntos no final de outubro deste ano, e neste final e semana saiu uma decisão judicial concedendo a advogada medida protetiva.

Despachada ao desembargador Ricardo Vital de Almeida, do Tribunal de Justiça da Paraíba, Myriam Gadelha denunciou que sofreu agressões físicas do namorado por duas oportunidades.

Segundo a advogada, a primeira agressão teria ocorrido já no mês de novembro, durante uma viagem a São Paulo quando o casal estava em momento de lazer “O requerido teria, com ciúmes, lhe empurrado e tentado agredir-lhe pelo pescoço”, diz trecho da denúncia.

Segundo Myrian, nessa quinta-feira (06), após uma festa em João Pessoa, Fábio Tyrone teria iniciado uma briga com ela, alegando que estaria a beber demais e conversar com várias pessoas, sendo que na volta para casa, o prefeito sousense teria lhe dado um tapa no rosto, em seguida, já na casa da vítima teria lhe xingado, além de empurrá-la no chão e iniciado uma sequência de chutes. “Relata que ao mandar o requerido ir embora, foi novamente agredida com um soco no olho direito”. Diz em outro trecho da denúncia

Decisão do desembargador
Diante dos fatos narrados na ação, o desembargador Ricardo Vital de Almeida decidiu conceder a medida protetiva, impedindo que Fábio Tyrone mantenha distância inferior a 300 metros da ex-namorada, que também se afaste da casa dela e o proibiu de qualquer tipo de contato físico, telefone, e-mails, bilhetes, aplicativos de mensagens, redes sociais, dentre outros.

Uma amiga de Myrian usou sua rede social no Instagram para prestar apoio a advogada e tachou a atitude do agressor de covardia.

Assessoria diz que Tyrone vai se pronunciar sobre denúncia; advogada recebe apoio nas redes sociais

O Secretário de Comunicação da Prefeitura de Sousa, o radialista Eugênio Rodrigues informou à redação do Diário do Sertão nesse domingo (09), que Fábio Tyrone (PSB) vai se pronunciar sobre as denúncias de agressão atribuídas a ele no caso na advogada Myriam Gadelha. “O prefeito vai se pronunciar brevemente”, disse Eugênio em mensagem via WhatsApp.

Tyrone foi denunciado por agressão a namorada, e nesse final de semana foi divulgada uma decisão judicial concedendo a jovem medida protetiva.

O assunto foi destaque nos principais portais de notícias da Paraíba, e a advogada recebeu apoio de entidades e órgãos constituídos do estado, além de amigos e familiares.

A Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres de João Pessoa, através da secretária Adriana Urquiza se solidarizou com Myriam: “Diante deste triste e real cenário, prestamos nossa solidariedade a Myriam, e estimulamos outras mulheres a romper com o silêncio que as aprisionam em relações de dominação e violência”.

A Ordem dos Advogados do Brasil, através do seu presidente reeleito Paulo Maia disse que ainda não conseguiu falar com a advogada sousense, porém adiantou: “Publicamente coloco a OAB da Paraíba à sua disposição para que se dê o efetivo apoio e suporte necessário neste momento, ao passo que presto minha solidariedade”.

A única representante feminina da Câmara de Sousa, a vereadora Bruna Veras (PROS) saiu em defesa da conterrânea: “Do embrulho no estômago (porque esse é o tipo de notícia que me causa repugnância e náusea) ao contentamento de ver que a mulher agredida não se calou diante da condição por ela enfrentada”.

A deputada estadual eleita, Paula Francinete (PP) assegurou que levantará a bandeira contra a agressão à mulher na Assembleia Legislativa e disse: “Você não está sozinha”.

A jornalista Adriana Bezerra, que já passou pelos sistemas Correio e Arapuan de Comunicação escreveu uma coluna no seu blog intitulado “Muito além de um olho roxo”, onde traz relatos da vida do prefeito sousense.

Idosa de 60 anos é flagrada tentando entrar em presídio com drogas dentro de cabo de vassoura

Uma idosa de 60 anos foi presa nesse sábado (08), após ser flagrada tentando entrar com drogas no Presídio Padrão Regional de Cajazeiras, Sertão da Paraíba.

Segundo informações da direção da Casa de Detenção, a mulher foi flagrada pelo equipamento de Raio X Corporal com droga escondida em cabos de vassouras.

A direção informou que as revistas, que antecedem às visitas, busca reforçar os procedimentos de segurança das unidades e coibir a entrada de materiais ilícitos nas prisões.

A mulher foi levada para a delegacia de Polícia Civil da cidade.

Mulher pode perder os dedos após ser agredida por esposo em bairro da cidade de Cajazeiras

Um homem foi preso em flagrante nesta quinta-feira (06) pela Polícia Militar acusado de esfaquear a própria esposa no Bairro Populares, Zona Norte de Cajazeiras, Sertão da Paraíba.

Segundo a Polícia Militar, a agressão ocorreu por trás da UFCC, campus de Cajazeiras, e a vítima que tem 40 anos de idade foi socorrida pelo Samu e encaminhada ao Hospital Regional de Cajazeiras.

O motivo da agressão não foi divulgado pela polícia. A mulher perdeu muito sangue e durante o socorro médico ela perguntava pelas filhas do casal.

Segundo o HRC, a vítima está no bloco cirúrgico e corre o risco de perder os dedos da mão devido as agressões. Há informações que o suspeito sofre de problemas psicológicos.

 

///// ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Na FM 104,9 Agora!

Temos 406 visitantes e Nenhum membro online