OUVIR  

Clube FM: (83)3531-4379  WHATSAPP 9.9999-2683

CAJAZEIRAS

Zé Aldemir assina Ordem de Serviço para início das obras do Cemitério da Zona Norte

O prefeito de Cajazeiras, Zé Aldemir, assinou, na manhã de hoje, a Ordem de Serviço para a construção do Cemitério da Zona Norte da cidade. A obra é uma antiga reivindicação dos moradores da região. “Estamos atendendo a um pedido da população”, disse o prefeito.

“É mais um marco na gestão. É isso que o gestor precisa fazer. Estou cumprindo o que apresentei à sociedade no plano de governo, quando fui candidato, ouvindo as comunidades urbana e rural. Um dos itens era o cemitério da Zona Norte. O terreno está preparado e vamos começar a obra imediatamente. Esforço imensurável, com recursos da prefeitura”, acrescentou.

O secretário de Infraestrutura, Zé Filho, informou que uma equipe de Campina Grande está chegando para fazer as ultimas análises de solo e iniciar a obra. “É um projeto amplo e vamos dividir as etapas necessárias, mas que a primeira etapa contemple o anseio da sociedade, de desafogar os cemitérios já existentes na cidade”, enfatizou.

A bióloga Maria das Dores explicou que numa obra como a do cemitério – tem que ser feita a sondagem do solo, pra saber a sua profundidade e sua permeabilidade. Isso será feito por uma empresa de João Pessoa, em parceria com a Universidade Federal de Campina Grande, para conferir e fazer com que a obra seja feita de acordo com o que as normas ambientais exigem. “Isso é necessário, pensando na população do entorno e no futuro da cidade. Parabenizar o prefeito, que com certeza está pensando nisso”, disse.

 

Manicure cajazeirense morre em Sousa após vencer luta contra o câncer; ela era muito querida na cidade

Faleceu nesse domingo (23), na cidade de Sousa, a manicure cajazeirense, Marta Suely Nogueira, 50 anos de idade. Ela foi vítima de AVC, não resistiu e foi a óbito.

Ela retornou para o Sertão da Paraíba curada, ficou em Sousa com sua filha para se cuidar mais, porém sofreu um AVC e acabou falecendo.

Muito conhecida em Cajazeiras, Marta atendia seus clientes em domicílio e era totalmente dedicada à profissão. Ela era filha de Dona Maria Nogueira, também muito conhecida em Cajazeiras.

O corpo da manicure está sendo velado na Central São Sebastião próximo a Escola de Carmelita e será sepultado às 10h desta segunda-feia (24), no Cemitério Nossa Senhora Aparecida, em Cajazeiras.

ATENÇÃO Cajazeiras, Patos, Bom Sucesso e Riacho dos cavalos: Energisa avisa desligamento programado

Para manter e aprimorar a qualidade dos serviços prestados pela Energisa, uma manutenção na rede foi programada. Sendo assim, o fornecimento de energia precisará ser interrompido, nestaSEGUNDA-FEIRA, dia 24, nos seguintes locais:

SEGUNDA-FEIRA, 24/09/2018 – AGUA BRANCA – 13h30 ÁS 16h40 – Rural: Sítio: Bela Vista;

BOM SUCESSO – 13h30 ÁS 15h40 – Rural: Sítio:Arapuá;

– 15h30 ÁS 17h40 – Rural: Sítio: Boqueirão;

CAJAZEIRAS – 13h00 ÁS 17h40 – Rural: Sítio: Cantinho;

PATOS – 07h30 ÁS 09h40 – Belo Horizonte: Ruas:Antonio Urquiza, Candido Laranjeiras, Dinamerico Palmeira, Francisco Candeia do Nascimento, Horácio Nobrega, Inácio Fernandes, Joao Domingos Queiroz, Jorn Assis Chateaubriand, Juvenal Lucio, Panatis, Pedra Branca, Zilson Vieira de Lucena;

 – 07h30 ÁS 14h10 – Belo Horizonte: Ruas: 5 de Agosto, Horácio Nobrega, Candido Laranjeiras, Travessias: Titico Gomes, Juvenal Lucio, Mestre Felix, Panatis;

RIACHO DOS CAVALOS – 13h30 ÁS 16h10 – Rural: Sítio: Diamante;

Se surgirem dificuldades operacionais, pode haver cancelamento ou atraso no horário previsto, independente de outro aviso. E, caso os trabalhos sejam concluídos antes do horário agendado, o restabelecimento da energia pode ser antecipado.

Periodicamente, a Energisa investe no aprimoramento do sistema elétrico da Paraíba e, com isso, tem reduzido sistematicamente o número de interrupções no fornecimento, como acompanhado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Evitar as interrupções no fornecimento de energia elétrica é um dos compromissos da empresa com o cliente e, para cumpri-lo, a Energisa adota tecnologias que permitem a realização do serviço sem o desligamento da rede, como gerador móvel, subestação móvel, transferência de carga, manutenção em rede energizada e megajumper. O desligamento programado só acontece quando não é possível o emprego dessas tecnologias.

Se você tem alguma atividade importante que necessite de energia, antecipe-se, agende seus compromissos para antes ou depois do Desligamento Programado. Assim, você poderá aproveitar cada momento plenamente!

Qualquer dúvida, ligue para o Call Center (0800 083 0196) ou acesse o site da Energisa: www.energisa.com.br.

Sucesso: 2º Mutirão de Cirurgias de Catarata em Cajazeiras contemplou mais de 600 pessoas

O 2º Mutirão de Cirurgias de Catarata realizado em Cajazeiras pela Prefeitura Municipal através da Secretaria de Saúde foi concluído nessa sexta-feira (21), com muito sucesso.

Iniciado na segunda-feira (17), o mutirão contemplou mais de 600 pessoas que se submeteram ao procedimento cirúrgico realizado por três médicos especialistas, contratados especificamente para atender a demanda existente.

A Secretaria de Saúde firmou parceria com o HUJB (Hospital Universitário Júlio Bandeira), que cedeu o espaço físico (centro cirúrgico), para a realização do mutirão.

Diariamente, uma equipe com 40 pessoas era responsável pelo acolhimento dos pacientes demonstrando muito zelo, dedicação e amor.

O secretário de saúde Cristóvão Pinheiro destacou a grandiosidade dessa ação de saúde para as pessoas que necessitavam de receber tal benefício, como forma de recuperar de uma patologia que afeta diretamente a visão.

O prefeito Zé Aldemir revelou que o mutirão repete o sucesso do ano passado e que até o final de sua gestão vai repetir essa grande ação social de extrema importância que tem tirado pessoas da escuridão dando o direito de voltar a enxergar a vida. Ele ainda lamentou que antes o serviço público não buscava enxergar essas pessoas carentes, e alguns ainda tentaram atrapalhar fazendo denúncias descabidas para tentar barrar uma ação tão grandiosa como essa.

Nova Central de Esterilização do HU de Cajazeiras começa a funcionar

O Hospital Universitário Júlio Bandeira, em Cajazeiras, já conta com a nova Central de Material e Esterilização trabalhando a todo o vapor. O espaço foi totalmente reestruturado e agora funciona com equipamentos modernos e uma equipe capacitada para atuar no setor, considerado um dos mais importantes dentro de uma unidade hospitalar. Desde 2015, o HUJB da Universidade Federal de Campina Grande é vinculado à Rede Ebserh.

De acordo com a chefe do Setor de Apoio Diagnóstico e Terapêutico (SADT), Eliane Leite, a CME passou por inovações na área de infraestrutura, toda modernizada, além de renovação do parque tecnológico e aquisição de mão de obra qualificada, possível graças à chegada dos colaboradores contratados por meio do concurso da Ebserh.

“A partir do processo de estruturação da Central, propõe-se um espaço de trabalho renovado com novos processos e fluxos para o bom funcionamento do setor e grandes possibilidades de expansão de outros serviços do hospital. Anteriormente não tínhamos capacidade para abrir novos serviços. Hoje, com a CME funcionando em sua plenitude, há essa possibilidade de crescimento”, destacou Eliane.

Ainda segundo a chefe do SADT, o layout inicial da nova CME foi desenvolvido pela equipe técnica de infraestrutura da UFCG e reestruturado com o auxílio de colaboradores da Rede Ebserh. Eliane explica que, após a contratualização com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, profissionais especializados em infraestrutura hospitalar da estatal sugeriram mais uma atualização no projeto, sob a perspectiva do dimensionamento do Centro Cirúrgico, da melhoria do fluxo de profissionais e da simplificação do funcionamento do processo no setor, atendendo rigorosamente às normas da vigilância sanitária.

A gestão do hospital investiu pesado em equipamentos modernos para oferecer o que há de melhor do mercado à população usuária do HUJB. Um exemplo foi a aquisição de uma termodesinfectadora de última geração. Materiais como seladoras, incubadoras, pistolas para limpeza e secagem de materiais também estão entre os modelos mais atuais.

Investimentos futuros constam do planejamento para a Central, e um deles é a compra, no próximo ano, de uma autoclave com tecnologia mais avançada. “O HUJB investiu recursos para que pudéssemos ter uma CME com potencial de desenvolvimento tecnológico tanto no que diz respeito a equipamentos como também na parte de consumo no diz respeito às embalagens para condicionamento dos materiais”, explicou.

ESPAÇO

A Central de Material e Esterilização do HU de Cajazeiras ocupa uma área de 100 metros quadrados estrategicamente localizada próximo aos chamados centros consumidores como salas de PPP (pré-parto, parto e pós-parto), UTI Neonatal, e Unidade de Cuidados Intensivos Neonatal (UCIN), Centro Cirúrgico, e unidades fornecedoras como farmácia, almoxarifado e lavanderias.

O ambiente foi fisicamente estruturado de acordo com a as exigências da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e se divide em área de recepção e limpeza, área de acondicionamento do processo de esterilização, arsenal para guarda e distribuição de materiais esterilizados, além de vestiário com sanitário para funcionários, depósito de material de limpeza e área anexa para descanso dos colaboradores.

Para Eliane Leite, a CME é considera o “coração do hospital”, tamanha a sua relevância. “Isso porque é a partir dela que todos os outros setores dão continuidade à assistência aos pacientes. Assume um papel importante na prevenção de infecções e está intrinsecamente relacionada com a qualidade da assistência, pois realiza os diferentes processos de limpeza, desinfecção e esterilização de materiais necessários para a prática hospitalar. O mau funcionamento deste setor compromete a segurança do paciente”, conclui.

Sobre a Ebserh

Desde dezembro de 2015, o HUJB-UFCG é filiado à Rede Ebserh, instituição vinculada ao Ministério da Educação (MEC) que administra atualmente 40 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

///// CAJAZEIRAS

///// ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Na FM 104,9 Agora!

Temos 301 visitantes e Nenhum membro online