OUVIR  

Clube FM: (83)3531-4379  WHATSAPP 9.9999-2683

CAJAZEIRAS

Campanha OUTUBRO ROSA será lançada nessa quarta-feira (10) no Paço da Prefeitura

O lançamento oficial da campanha “Outubro Rosa” ocorrerá nessa quarta-feira (10) no Paço da Prefeitura ás 17h00 com apresentação artística, Fanfarra e banda Santa Cecília.

Conforme a programação elaborada pela Secretaria de Saúde do município de Cajazeiras durante todo mês de outubro serão realizadas palestras, debates e rodas de conversas sobre Câncer de Mama e Colo do Útero. Também serão ofertados exames de mamografia no Centro de Diagnóstico Por Imagem, coleta para exames Citopatológico no período noturno para as mulheres que trabalham durante o dia e ofertas de serviços de Embelezamento e Bem-Estar as mulheres nos dias determinados pelas Unidades Básicas de Saúde.

Ainda consta na programação do “OUTUBRO ROSA” Audiência Pública na Câmara Municipal para debater o câncer de Mama.

O encerramento da campanha ocorrerá no dia 31 de outubro com a realização de uma caminhada, reflexões e Ciranda Musical com apresentações artísticas.

IFPB de Cajazeiras corre risco de perder terreno doado. Empresários ampliam prazo para evitar devolução

Um grupo de empresários que doou um terreno em 2014 para o Instituto Federal da Paraíba (IFPB) construir um centro de tecnologia para cursos superiores no campus de Cajazeiras, estendeu até o dia 31 de dezembro deste ano o prazo para que a instituição de ensino cumpra com, pelo menos, dois acordos estabelecidos.

O primeiro é construir um muro para cercar o terreno ou comprovar que há verba para isso. O segundo é comprovar também que há recursos garantidos junto ao Ministério da Educação ou no orçamento do IFPB ou então emenda parlamentar para iniciar a construção do centro de tecnologia. Se até o dia 31 de dezembro esses acordos não forem cumpridos, o terreno será devolvido definitivamente.

Diário do Sertão teve acesso a um documento explicando que em maio deste ano o terreno já havia sido devolvido porque a reitoria do IFPB não cumpriu com os acordos estabelecidos nas cláusulas. Porém, como é de interesse da classe empresarial de Cajazeiras contribuir com o desenvolvimento da cidade, bem como, segundo o documento, “atendendo um pedido de toda a comunidade acadêmica do IFPB campus de Cajazeiras pela manutenção da doação da referida área”, os empresários resolveram ampliar o prazo para a reitoria do IFPB cumprir com os acordos.

O documento diz ainda que na reunião ocorrida em maio deste ano, o reitor do IFPB, Cícero Nicácio, alegou que não conseguiu cumprir com os acordos no prazo previsto por falta de recursos e que, pelo mesmo motivo, não garantiria dar início a alguma obra no futuro. Mesmo com essa negativa, o grupo de empresários deu mais uma chance para o IFPB. O terreno tem área de 40.000m² e está localizado no Loteamento Brisa Leste II, na Zona Leste de Cajazeiras.

Em Cajazeiras, diretor da SUDEMA explica por que cemitério da Zona Norte não foi liberado

O diretor da Superintendência de Administração do Meio Ambiente (SUDEMA) na Paraíba, João Vicente, explicou porque a Prefeitura de Cajazeiras ainda não conseguiu a liberação para construir o cemitério da Zona Norte.

Em entrevista à TV Diário do Sertão, João Vicente disse que para construir um cemitério é necessário se adequar às regras de meio ambiente que estão na Legislação brasileira. E no caso de algumas regiões do Semiárido nordestino, essas regras são ainda mais rígidas para não comprometer o solo.

João Vicente explica que no subsolo da Zona Norte de Cajazeiras há camadas de lençol freático, ou seja, localiza-se nele água aproveitável para consumo humano. Por isso a construção de um cemitério no local traz riscos à saúde.

“Um cemitério é um equipamento de alto impacto ambiental. É preciso que quem constrói se submeta às recomendações que a Legislação exige, não somos nós, SUDEMA, que exigimos.”

João Vicente completa: “Eu vou desgraçar o lençol freático para atender à veleidade de uma pessoa que não quer se submeter ao regramento? A SUDEMA nunca age pela minoria, só age pela maioria.”

Com mais de R$ 5 milhões de investimentos, CDI de Cajazeiras será inaugurado na próxima sexta-feira (5), garante secretário

O secretário de Saúde de Cajazeiras, Cristovão Pinheiro, confirmou na tarde desta quarta-feira (3) que o Centro de Diagnóstico de Imagem (CDI) começará a funcionar na próxima sexta-feira (5). A solenidade acontece ás 11h com autorização dos serviços por parte do prefeito José Aldemir (PP).

O secretário assegurou que todos os equipamentos como tomógrafo, mamógrafo, o aparelho de densitometria óssea e Raio X, estarão a disposição da população. O aparelho de ressonância magnética passa por últimos ajustes e em breve também funcionará. Os equipamentos foram ajustados por técnicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Técnicos da GE trabalham ainda na instalação do aparelho de Ressonância Magnética, que exige uma estrutura moderna com proteção necessária através de uma cabine ou gaiola de radiofrequência (RF), também chamada de blindagem. O equipamento custou R$ 2.795.000,00 (dois milhões, setecentos e noventa e cinco mil reais).

Os recursos investidos para reforma, modernização prédio e compra de equipamentos, ultrapassam os R$ 5 milhões. 

 

Prefeitura de Cajazeiras retoma obras de asfaltamento das principais ruas da cidade

A prefeitura de Cajazeiras retomou nesta quarta-feira (3), as obras de recapeamento asfáltico das principais ruas da cidade.

A retomada dos trabalhos ocorreu pela Avenida Pedro Moreno Gondim, Bairro dos Remédios, na entrada de Cajazeiras pela BR 230.

O prefeito Zé Aldemir (PP) esteve no local logo cedo para inspecionar os serviços e falou à imprensa local.

“Quero neste instante dizer ao povo que Cajazeirastem um prefeito que não rouba, nem mente”, declarou o gestor.

Ele não perdeu a oportunidade de alfinetar o ex-aliado Carlos Antonio (DEM), que na campanha da esposa prometeu asfaltar as ruas.

///// CAJAZEIRAS

///// ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Na FM 104,9 Agora!

Temos 274 visitantes e Nenhum membro online